sábado, 8 de abril de 2017

Perfil: Derek Barnett, DE - Tennessee


Começo hoje a cobertura do draft. Como disse no texto anterior, ancorado no histórico tenebroso da franquia na hora de draftar, que não será fácil pensar o que está passando pela cabeça dos que comandam o Miami. Adam Gase, Chris Grier, Mike Tannembaum e Stephen Ross até agora não deixaram grandes indícios do que possam fazer. 

Fica no ar a leitura de que iremos de BPA ( melhor jogador disponível ). Apontei os problemas disso, ainda mais quando o time não se importa de queimar picks em jogadores muito questionáveis. Hoje analiso um jogador que cairia como uma luva em nosso Front Seven: Derek Barnett. Um DE de qualidade e promissor.


VISÃO GERAL

O nativo de Nashville foi o primeiro calouro a começar na DL de Tennessee em 2014, fazendo 20,5 tackles para perda de jardas e 10 sacks. Barnett liderou os Vols com mais 10 sacks em 2015. Em seu ano de Júnior, Barnett foi um eleito para a primeira equipe da SEC.

ANÁLISE
  • Pontos Positivos - Mãos fortes, rápidas, eficientes e letais. Ataca a OL com  trabalho de mãos e pés na busco pelo Quarterback. Pune o OL adversário quando este comete alguma falha, raramente perdendo uma oportunidade de conseguir tackles e sacks. Boa percepção de campo ,reconhecendo play-action, reverses e screens. Versátil o suficiente para cobrir zonas quando necessário.
  • Pontos Negativos - Comete falta tentando adivinhar o momento do snap. Tem problemas para mudar de direção, algo típico de um homem grande com cintura larga. Quarterbacks móveis no Pocket podem escapar mais facilmente dele. Precisa melhorar seu footwork.
  • Comparável na NFL com: Nick Perry
  • Resumo: Barnett é um dos mais produtivos jogadores de DL que saíram da SEC em algum tempo. Sua consciência e foco no jogo deve mantê-lo perto da ação e ele tem o talento para entrar de imediato, causando bom impacto. Poderia haver coordenadores que vê-lo como um OLB, num sistema 3-4 devido a preocupação com a sua capacidade de colocar a mão no chão no sistem 4-3. Acho essa preocupação menor do que seu talento. E ele poderia atuar tanto como DE ou LB caso assim o desejemos.

Nenhum comentário: